Logomarca do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região

Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região

JAE: novo edital da Viação Suzano e realização de pagamentos relativos às empresas Azevedo e Travassos, Prol Alimentação e Jockey Clube


O Juízo Auxiliar em Execução (JAE) do TRT da 2º Região lançou, neste mês, o edital de termos de pagamento aos credores da reunião de execução da Viação Suzano. A iniciativa é relativa a um processo piloto abrangendo 418 ações.

A unidade, sob a responsabilidade do juiz Carlos Abener de Oliveira Rodrigues Filho e coordenação do Corregedor Regional do TRT-2, desembargador Marcelo Freire Gonçalves, arrecadou aproximadamente 18 milhões de reais que serão rateados aos credores trabalhistas nos termos do edital. Mais informações podem ser acessadas aqui ou nos autos do processo piloto 0000720-50.2012.5.02.0491.

Pagamento em ações

A reunião de execuções da Azevedo e Travassos Engenharia, avançou no pagamento dos seus 457 processos com a autorização de órgãos de controle mobiliário para a conversão de créditos trabalhistas em ações. O plano especial de pagamentos da empresa foi instaurado em 2020 a pedido da organização, sob o número 1002601-82.2020.5.02.0000, para o parcelamento das dívidas.

O plano já resultou em mais de 200 processos pagos integralmente e acordos em créditos trabalhistas que totalizaram mais de R$ 7 milhões. A quitação se dará por meio de ações representativas de seu capital social, oriundas do aumento de capital da empresa. Saiba mais aqui.

Etapas concluídas

A reunião de execuções face a Prol Alimentação está próxima do fim com a integralização de todos os pagamentos. O processo-piloto 0000076-81.2019.5.02.0000, relativo à empresa, envolveu 334 processos e dívidas de cerca de R$ 6 milhões. Os últimos credores já foram chamados para receberem seus valores.

O processo-piloto relativo ao Jockey Clube, por sua vez, encerrou a primeira fase de pagamentos, na qual foram chamados mais de 100 credores trabalhistas. Neste mês foi iniciada a segunda fase, na qual os reclamantes remanescentes foram chamados com o objetivo de chegar a uma conclusão dos pagamentos. A dívida atualizada total a ser quitada é de cerca de R$ 20 milhões. Saiba mais aqui e nos autos do processo piloto 1002247-85.2016.5.02.0036.

Voltar
Atualizado por Secretaria de Comunicação Social (secom@trtsp.jus.br)
Rolar para o topo